domingo, 3 de janeiro de 2010

SAGA DA FAMILIA ROSOLEN



L’ORIGINE DEÍ COGNOMI ROSOLEN (versão de um site Italiano)



Típico de Treviso, deve vir de um nome de lugar, como rubeola ou Rosolo como tantos outros na região do Vêneto, com o significado de uma vala pequena, um pequeno canal. (ver também a Jerusalém). Suplementos fornecidos por John Vezzelli


Rosolen, dados antigos traz de volta ao antigo nome de Veneza e Jerusalém, Orsalemo, ambos do Código de Pádua, diplomata, referindo-se à cidade de Jerusalém. Lingüisticamente interessante notar a eliminação do primeiro-ji (Jerusalém).

Uma Igreja, que fica no caminho dos heróis, é uma capela do século 18, pertenceu à nobre família Basell. É conhecida como a igreja de Jerusalém, mas também é comumente referida como "Igreja de Rosolen. Diferentes interpretações tentam explicar estes nomes: o nome Rosolen poderia derivar de uma corruptela de "rosário", popularmente recitadas em honra da Virgem, mas também pode se referir ao nome de uma aldeia remota onde a igreja está situada era habitada em tempos antigos pela família Rosolen. Além disso, em documentos públicos, a vila Rosolen, foi transcrita em um subúrbio de Jerusalém, para torná-la mais sonora, mas certamente qualquer fundamento histórico-toponímia.


Também pode ter sido subtraído do nome da família Real da Prússia (atual Alemanha), Honzollernm, (escrito em Alemão) que chegou a dominar a Itália, Romenia, Branderburgo e República Theca,  por um grande período 


Histórico da Família Rosolen


Os Rosolen são da Província di Godega Di Sant’Urbano, Treviso, Região do Veneto Oriental e di Sant´Stino di Livenza, Provincia di Veneza, Região do Veneto Orientale. 

Esse sobrenome, assim como tantos, sofreu muitas variações: Rosolen, Rosolem, Rosalem, Rusolen, etc...

Dessa família, o meu antepassado mais remoto, encontrado foi: LUCIA ROSOLEN, (minha Ta-Ta-tataravó) nascida no ano de 1787, na cidade de Cimettà, na Região de Treviso, Veneto, e falecidada no ano de 1864, na mesma região. Foi casada com o meu Ta-ta-tataravô, GIÁCOMO GAVA, nascido no ano de 1785, na cidade de Cimettà, na Região de Treviso, Veneto. Casaram-se no ano de 1808, e tiveram muitos filhos, mas sei apenas de dois: DOMENICO ROSOLEN e MARIA MADALENA ROSOLEN, essa seria minha Ta-tatavavó, nascida no ano de 1809, e falecida em 14 de abril do ano de 1900.


1) DOMENICO ROSOLEN GAVA (1811-24/05/1892)

2) MARIA MADALENA ROSOLEN GAVA, minha tataravó nascida no ano de 1809 e falecida em 14/04/1900), casa-se por volta do ano de 1829, com meu Ta-tataravô, GIUSEPPE MICHELIN GAVA (1805/1888), e tiveram vários filhos, pelo menos os que eu sei são:

2.1) PIETRO ANTONIO ROSOLEN MICHELIN GAVA, nascido na cidade de Cimettà no ano de 1841, e falecido no dia 03 de fevereiro do ano de 1921. Foi casado com a sra.. ANGELA DA RÓS, nascida no ano de 1845 e falecida no dia 06 de janeiro do ano de 1908, também na cidade de Cimettà.


2.2) DOMENICO ROSOLEN MICHELIN GAVA nascido na cidade de Cimettà no ano de 1847, e falecido no ano de 1911. Foi casado com a sra.. PAOLA CALIMAN, nascida no ano de 1850 e falecida no dia 30 de dezembro do ano de 1918, também na cidade de Cimettà. .


2.3) GIOVANNI BATISTA ROSOLEN MICHELIN GAVA nascido na cidade de Bibanno no dia 21 de agosto do ano de 1851, e falecido em 28 de janeiro do ano de 1923. Foi casado com a sra.. MARIA LUIZA ANTONIAZZI, nascida no dia 08 de abril do ano de 1854 e falecida no dia 02 de setembro do ano de 1903, também na cidade de Cimettà.


2.4) MATHEUS ANTONIO ROSOLEN MICHELIN GAVA (meu Trisavô), nasceu em 26 de novembro do ano de 1.831, na cidade de Orsago, Treviso, na Região do Vêneto, na Itália, e faleceu por volta do ano de 1905. Casou-se com dona ANGELA BUSET IGNE (minha Tataravó), filha de ANGELO IGNE  e de dona CATTERINA BUSET, por volta do ano de 1.866. Sabe-se, que tiveram os filhos:


2.4.1) CATTERINA BUSET IGNE ROSOLEN MICHELIN GAVA, nascida em 20/6/1861 em Bibano, Godega Di Sant' Urbano,Treviso, e se casou em 29/11/1882 com Luiz Da Dalt de Conegliano, filho de Pietro e Giovanna Fossai. Residiam em Cimettá, onde faleceram, ela 1936 e ele 1938.


2.4.2) GIUSEPPE BUSET IGNE ROSOLEN MICHELIN GAVA, nascido por volta de 1858, em  Sant´Stino di Livenza, Provincia di Veneza, Treviso, na Região do Vêneto, na Itália, chegou a migrar para os Estados Unidos em 7/6/1903, saindo do porto Havre, França, no vapor La Bretagne, mas retornou para Cimettá onde faleceu em 04/08/1911.


2.4.3) GIOVANNI (JOÃO) ALFONSO  BUSET IGNE ROSOLEN MICHELIN GAVA, meu Bisavô, que nasceu no ano de 1.870, também na cidade Bibano, Godega Di Sant' Urbano, Treviso, e faleceu em 1938 na cidade de Assis-SP, onde está enterrado. Conheceu a  sra LUIZA JANOTO DENADAI,  nascida no início do ano de 1873, na cidade Bibano, Godega Di Sant' Urbano, Treviso, Região do Veneto oriental, e casando-se no ano de 1888, sendo que em 1.890, mudaram-se para o BRASIL, juntamente com centenas, ou milhares de imigrantes Italianos, a procura de uma vida menos conturbada, já que a Itália estava passando por momentos dificeis na transição governamental. 


Os italianos tiveram uma época muito difícil no sécuco XIX, pois a itália esteve em luta por sua futura estrutura, durante décadas. A monarquia, na pessoa do rei do Piemonte-Sardenha, Vítor Emanuel II, apoiado pelos conservadores liberais, só obteve sucesso quando em 1859-1861 se formou a Nação-Estado, derrotando os partidários de esquerda, republicanos e democráticos, que militavam sob Giuseppe Mazzini e Giuseppe Garibaldi. A desejada unificação da Itália (até então a Itália era formada de pequenos Estados, dirigidos por nações Estrangeiras, França, Espanha, Inglaterra), se deu assim sob a Casa de Sabóia. Mas, mesmo com a vitória, as guerrilhas e discordância continuaram por longos anos, fazendo com que o sofrido povo italiano buscasse melhores lugares para se morar.


Muitas familia decidiram sair da Itália e vir para o Brasil, pois após a Libertação Escravocata, o País estava necessitando urgentemente de trabalhadores com conhecimentos (agricultores, pedreiros, marceneiros, etc...) e o governo brasileiro, muita propaganda fez, inclusive dando as passagens gratuitamente aos imigrantes, além de serem beneficiados posteriormente com a compra de terras muito baratas.



Os navios saiam da Itália abarrotados de familias querendo um futuro promissor, mas não sabiam o destino que chegariam. Muitas familias foram separadas ainda na Itália, no Porto de embarque, já que o destino de cada navio era diferente: Uns desembarcariam em Santos-SP, outros em Paranaguá-Pr, outros em Niterói-RJ, Florianópolis-SC, Vitória-ES, Porto Alegre-RS, etc...


Mesmo após o desembarque no Brasil, ainda seriam separados, pois uns iam para uma cidade e outros para outras cidades, conforme a necessidade de serviços em cada localidade.






Chegando ao Brasil, meus Bisavós foram residir na Região de Ribeirão Preto, onde compraram terras e fazendas de café,  e onde tiveram dez (10) de seus doze (12) filhos, Já que Domenico e Angelo nasceram na Itália.  Os Outros são:  João; Celeste; Laura; Vitório; Vitória; Helena; Pedro; Maria; Angela e Antonio (este último o meu avô).    foto.


Por volta da década de 20, do século passado, o Governo Paulista, começou a incentivar a abertura de novas Terras na Região de Assis-SP, pois até então aquele lugar era o fim do Brasil, já que, depois de Assis, tudo não passava de Florestas fechadas, (digo, norte do Paraná, Mato Grosso, Goiás, Acre, Tocantins, etc...). Sendo assim, meus bisavós decidiram mudar para as novas e promissoras Terras.


Já em 1.923, compraram uma grande área na Região compreendida entre Assis e Cândido Motta, e outra área ainda maior em 1.928, ao qual deram o nome de Água das Antas, mas, ficando conhecida mesmo, até hoje,  por Águas da Pinguela, ou Pinguela.


Fizeram da fazenda uma verdadeira Mini-Cidade: Escola, Igreja, Salão para quermesse, Cinema, Campos de Futebol, Mercado, Farmácia, Barbearia, etc..., além lógico, dos cafezais, gado e roças. Isso tudo, pois além de todos os meus Tios-Avós casarem-se e continuarem a morar na fazenda, ainda tinha a colônia, formada pelos empregados e meeiros, onde muitos acabaram fazendo parte da família.


Não me lembro o ano em que meu Bisavô morreu. Mas lembro-me dele sentado à varanda da casa principal, com sua bengala na mão. Minha mãe conta que sempre que a criançada passava correndo perto dele, ele acertava com a bengala a dita criança.


Após o falecimento do meu Bisavô, a fazenda foi dividida entre os irmãos, ficando a Fazenda da Pinguela para o meu Tio Pedro, Tia Laura e meu Avô Antonio. Os demais ficaram com outras propriedades, e com casas e terrenos na cidade de Assis e Cândido Motta.


-----------------------------------------------------------------------------------

Bortolo Rosolen casado com Elena Siciliot,  teve o filho:  Giovanni Rosolen,  que se casou com Cândida Rosolen em 1849 em Godega Di Sant’Urbano. Giovanni e Cândida tiveram os filhos, Antonio e  Marilucia.


. Marilucia Rosolen, casada com Lucca Batistella. 


. Antonio Rosolen, nascido a 6 de setembro de 1851, na cidade de Bibano e onde se casou em 1877 com Regina Pavan, nascida na cidade de Godega Di Sant’Urbano em 29 de outubro de 1858, ela, filha de Giovanni Pavan e Catherina Pavan e neta de Valentino Pavan e Lucia Barbaregio.

Antonio Rosolen e Regina Pavan saíram de Genova no Vapor “Carlo R” em 18 de dezembro de 1888, chegando no Porto de Santos em 12 de janeiro de 1889. Vieram no mesmo vapor e data, portanto junto com os Campo Dall’Orto, os Ortolan e os Della Coletta. Vieram Antonio e Regina com 4 filhos nascidos em Godega Di Sant’Urbano: Giovanni (27/08/1878), Cândida (03/05/1880), Vittorio (04/02/1882) e Celeste (22/08/1886).


Chegando ao Brasil, dirigiram-se para a cidade de Cascalho, onde abriram comercio. Em Cascalho-SP, tiveram mais 4 filhos: Alfonso (15/09/1893), Maria (10/01/1895), Angelina (1896) e Tereza (1900). Antonio e Regina faleceram em Cascalho em 7 de dezembro de 1935 e em 3 de setembro de 1910 respectivamente.


Vitório Rosolen, casado com Josefina Da'Dalt, continuaram com o armazém na cidade de Cascalho, e tiveram 8 filhos,  lembrados (mas a historia é que eram 17 filhos).  Milena Rosolen (27/03/1982), que me passou esta informação, é neta de Alcides Rosolen, que se casou com Iracema Strube Fernandes, da cidade de Limeira-SP, tiveram 3 filhos, Tania Consuelo Fernandes Rosolen (mãe da Milena),  Jorvit Fernandes Rosolen e Karla de Lisney Fernandes.  
- Tania Consuelo,  casou-se com Juan Raimundo Tokos e tiveram 2 filhos: Daniel Rosolen Tokos e Milena Rosolen Tokos que tem uma filha chamada Leticia Rosolen Angelozzi
- Jorvit Fernandes Rosolen,  casou-se com Ivone Cassaro, e tiveram quatro filhos: Evandro Rogério, Cynthia, Karen e Jorvit Jr.
.. Evandro Rogério Cassaro Fernandes Rosolen,  casou-se com Regina Aparecida Bussi e tiveram dois filhos: Beatriz e Murilo Bussi Rosolen.
.. Cynthia Cassaro Rosolen,  casou-se com Rafael Augusto de Castro Godoy e tiveram um filho: Thiago Monteiro Cassaro Rosolen Godoy.
.. Karen Cassaro Rosolen,  casou-se com Claudinei Mantovani e tiveram dois filho: Bruno e Felipe Rosolen Mantovani.
.. Jorvit Jr.
Karla de Lisney

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Giuseppe Rusolen, nascido em 20/06/1858, no Borgo di de Frazione de Ca' Cottoni da Comune di Carole, Venezia,  filho de Pietro Rusolen e de Elena Catto,  casado com a sra.  Angela Marchesin,  ela, natural de Santo Stino di Livenza, Veneto,  vieram para o Brasil  em 1889, juntamente com os filhos: Angelo Orazio Rusolen (03/02/1883), Giovani Apostolo Rusolen (16.11.1886) e Antonio Rusolen (22.02.1889).  Tiveram mais alguns filhos que nasceram no Brasil: Cézare Augusto Rusolen (05.02.1891),   José Rusolen,  casado com Elizia Amélia, Maria Vieira Rusolen, Valdomiro Rusolen e Helena Rusolen,  que se mudaram para localidades diferentes. 




Angelo Orazio Rusolen, nascido em Santo Stino di Livenza, Provincia di Venezia, na Via Musil di Sopra, 95,  no dia 03.02.1883 e filho de Giuseppe Rusolen, nascido em 20/06/1858 e de Angela Marchesin (ele natural da frazione de Ca' Cottoni do Comune di Carole, Venezia e ela, natural de Santo Stino di Livenza, VE),  vieram para o Brasil  em 1889.  Neto de Pietro di Giovanni Rusolen e Anna di Antonio Catto.   Angelo (foto), teve outros irmãos que também vieram para o Brasil, são eles:  Giovanni Apostolo Rusolen (*16/11/1886), Antonio Rusolen (*22/02/1889),  e outros nascidos no Brasil: Cézare Augusto Rusolen,  nascido em 05.02.1891,  José Rusolen,  casado com Elizia Amélia, Maria Vieira Rusolen, Valdomiro Rusolen e Helena Rusolen,  mas esses foram para localidades diferentes.  


-----------------------------------------------------------------------------------

Paola Rosolen, casada com o sr Domenico Pillon,  chegou ao Porto de Santos-SP em 05 de fevereiro de 1.888, no navio Varlos "R",  dirigindo-se em seguida para a Região de Ribeirão Preto. Tiveram os filhos:  
- Giuseppe Rosolen Pillon, veio com sete anos, nascido em 06/04/1880 em Treviso. 
- Giovanni Rosolen Pillon, veio com cinco anos, nascido em 08/10/1882 em Treviso.
- Ellen Rosolen Pillon, (local de nascimento incerto).




Clique também em:

JOÃO BUSET IGNE MICHELIN ROSOLEN GAVA
SAGA DA FAMILIA GAVA
SAGA DA FAMILIA BUSET (BISET)
SAGA DA FAMILIA IGNE
SAGA DA FAMILIA MICHELIN
SAGA DA FAMILIA DENADAI
SAGA DA FAMILIA TORAZZI
SAGA DA FAMILIA PERUZZI
GENEALOGIA DA MINHA FAMILIA



Ps - Gostaria que se alguém tiver fotos, documentos, enviassem cópia para colocarmos no blog.



Conto com o apoio dos parentes.


Meu email é:
ogair.toracio@gmail.com


Quem tiver informações, agradeceria se me passassem, pois estou fazendo a árvore genealógica da familia.


http://www.myheritage.com.br/

22 comentários:

Ogair disse...

(do sr José Pillon)

Ogair.
Vendo seu site notei que não menciona o nome de Paola Rosolen, casada com meu bisavô, Domênico Pillon.
Chegaram em Santos vindos de Gênova, com os filhos Giuseppe (meu avô), Giovanni e Ester, no dia 05 de fevereiro de 1.888, no vapor “Carlo R”.
Procuro o local de nascimento de Giuseppe. Caso saiba, peço que me informe.
Att.
José Pillon

Anônimo disse...

Muito interresante esta historia,meu nome é gabriela bao rosolen moro do RS na cidade de vespasiano corrêa onde a familia Rosolen esta em peso seria muito bom fazer documentarios sobre a familia Rosolen e mostrar o seu passado.

Ogair disse...

De Vinicius Rusolen:
Oi primo, tudo bem?
Te mandei um tempo atrás informções sobre meu bisnonno Angelo Orazio Rusolen, te mandei foto também
como você postou informações sobre os irmãos dele em seu site, resolvi pedir ao Comune (que é o mesmo onde fiz meu processo de cidadania) as certidões dos irmãos dele só para curiosidade e para minha pasta de família
eles me mandaram a do Giovanni Apostolo Rusolen, nascido e, 16.11.1886, como você havia dito, mas sobre o outro irmão nascido em 1889 eles não mandaram nada
mandaram também de um outro irmão chamdado Cesare Augusto Rusolen, nascido em 05.02.1891, também filho de Giuseppe Rusolen e Angela Marchesin
na certidão do meu bisavô Angelo e na do irmão Giovanni Apostolo consta que nasceram em Via Musil di Sopra 95, mas na do irmão mais novo consta que eles moravam em Via Musil di Sotto 4.. quando eu morei em Santo Stino di Livenza procurei tais ruas, e só as achei em um mapa antigo da cidade... faz tanto tempo isso que as ruas mudaram de noem e não achei ninguém que as conhecia pelo nome antigo... o que sei é que ficavam em Biverone, uma das Frazioni de Santo Stino di Livenza
se você tiver mais informações ou conhecer alguém que possa ter, me avise por favor
um abraço e Deus te abençoe
ps. se você quiser as certidôes para guardar também como histórico posso escanear e ta mandar
até mais e tenha um bom fim de semana.

ISRAEL ISHELL disse...

Olá meu nome é Israel Rosalino, tenho avós com o sobrenome Rosolen/Rosalen, queria saber se Rosolen, Rosalen e Rosalino são todos uma única família, sendo isso uma variação do nome... ou realmente são famílias diferentes???

Ogair disse...

Israel, acredito que não haja variação e sim um outro sobrenome, com outra origem, conforme abaixo:
ROSALINO/Rosolino - Molto raro è tipico del napoletano, con un ceppo in Sicilia, dovrebbe derivare dal nome italiano Rosolino.
Veja mais sobre os sobrenomes no site:
http://www.cognomiitaliani.org/cognomi/cognomi0016os.htm

wilson bueno disse...

Olá Pessoal.
Minha bisavó chamava-se Helena Rosolen (ou seria Rusolen). Veio da Itália no final de 188x, e morava (quando a conheci) em Americana - SP. Acho que seu texto (muito bom por sinal) no blog a cita entre aqueles que vieram da Italia no final do século XIX. Imagino que seria muito incomum uma outra Helena Ro(u)solen proveniente da Italia.

O fato é que não tenho maiores informações sobre ela. Meus antepassados já morreram, infelizmente.
Vocês têm como informar mais detalhes acerca da Helena Ru(o)salen? Gostaria de reunir o máximo de informações possíveis.
Agradeço... Abraços.
Wilson Bueno

CELIO ROSALEM disse...

Minha Família era de Três Fronteiras-SP e Santa Fé Do Sul-SP. Hoje estamos em Americana-SP Pelas historias dos mais velhos da Família eles vieram da região da Toscana( Calábria)Meus Bisavós são ANTONIO ROSALEM E BELARMINA ROSALEM e avós MAURILIO ROSALEM E MARIA APARECIDA CINI ROSALEM.MEUS PAIS ANTONIO MOACIR ROSALEM e CONCEIÇÃO BORGES DE LIMA ROSALEM. Abbraccio a Tutti.

att

CÉLIO ROBERTO ROSALEM

José Carlos Carregaro disse...

Minha Mãe foi Beatriz Rosalem e meu avô Bevenuto Rosalem. Foram da região de Santa Fé.
Será que somos parentes?

José Carlos Carregaro

Rosa Pillon disse...

Oi OGAIR . Vi o nome de Paola Rosalen e Domenico Pillon , Este é irmão do meu Biso Giovanni Pillon , Nascido em Cimetta di Codogné em 1847 e Faleceu el LARANJAL PAULISTA em 1929 , Tenho o registro de nascimento dele . O pai deles é Giuseppe PILLON e ANTONia Vettore , mas não tenho mais nada ,, O Domenico Pillon é irmão dele casado com Regina Fontana , Tenho a informação que a Paola nasceu em Gaiarine ,em 1854, Voce teria os pais dela ? e os avos do DOMENICO .. Estou fazendo a genealogia nos 2 sites , MyHERITAGE e FamilySearch, Pode me procurar . Se tiver alguma informação Agradeço muito ..Rosa Pillon , e-mail rosapillon@gmail.com. moro em São Paulo.

Ogair disse...

De Denise Rosalem:

Caro Ogair,

Boa tarde.
Sou Denise Pini Rosalem da Fonseca (da Fonseca de casada) e estou providenciando a documentação da minha família Rosalem para verificar a condição da cidadania italiana por este ramo familiar.

Sou bisneta de Antônio Rosalem casado com Itália Rosalem. Ele migrante italiano que chegou ao porto de Santos trazido pelo Barão de Piracicaba para trabalhar nas lavouras da região de Rio Claro.

Meu avô paterno João Batista Rosalem casado com Jordelina Bento Rosalem tiveram 5 filhos (Ondina, Ituriel, Lea, Raul e um natimorto).

Meu pai Ituriel Baptista Rosalem teve três filhos (Ituriel, Denise e Deborah).

Gostaria de saber se podemos trocar algumas informações.

Muito grata

Denise Fonseca

Neide Saturno Da disse...

Olá Ogair,
Minha bisavó chamava-se CATHARINA ROSOLEN e era casada com GIACOMO GIORDANO. Eles tinham 3 filhos, Antonio, Donato e Benedetta quando chegaram aqui no Porto de Santos/SP, em 1898. Foram para a Fazenda de Remanso, depois Catanduva e meu bisavô faleceu em Presidente Bernardes/SP. Infelizmente, não tenho maiores dados. Gostaria de saber se somos parentes e/ou informações para trocarmos. Obrigada. Neide.

Ogair disse...

de Stella Maris:
Estava olhando seu blog e percebi que um de seus ascendentes Antonio Rosolen e Regina Pavan podem ser relacionados ao meu tronco familiar.
Meu antenato (trisavô) é Giacomo Rosolen casado com Regina Pastre em 1887 em Godega di Sant’Urbano (Pianzano).
Seu pai, Giuseppe Rosolen casado com Teresa Pavan a qual eu acredito ser relacionada com Regina Pavan.
Meu antenato emigrou para o Brasil 1888-1889 e assentaram-se na fazenda Remanso e posteriormente em Limeira –SP, Araraquara. Na década de 20 foram para o Paraná.
Muito interessante seu blog, obrigada por compartilhá-lo.

Rodrigo Rosolem disse...

Ogair, boa tarde! Cara muito legal isso!!

Sou o RODRIGO ROSOLEM, sou filho do ALDO JOSÉ ROSOLEM, (IRMÂOS: ALVARO HAMILTON E MAGALI ROSOLEM)
Meu avô ARNALDO ROSALEN casado com MARIA MAGDALENA DE OLIVEIRA ROSOLEM,

Meu Bisavô DOMINGOS/DOMENICO ROSALEN (casado com DOMINGAS/DOMENICA ROSALEN), as pronuncias e escritas são alteradas e/ou diferentes.

Ele nasceu no navio a caminho do brasil, eu tenho as certidões dele de Fontana di Trento, Provincia di Vicenza, Veneto, Itália, e no brasil tenho a de ITU/SP ou Botucatú/SP não me recordo ao certo.
Meu Trisavô JOSÉ ROSALEN e ELISABETH ROSALEN (italianos vieram para o Brasil em torno do ano de 190x meu bisavo tem a data de

Vou buscar mais informações para a cidadania Italiana e posto aqui, para tentar ajudar...

Se souberem de algo...


Rodrigo Rosolem disse...

Completando meu BISAVO DOMINGOS/DOMENICO ROSALEN nasceu em 17.10.1905 possui as 2 certidões ITALIA E BRASIL

Jose Antonio Rozalem disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jose Antonio Rozalem disse...

Boa noite Rodrigo! O seu Bisavô é irmão do meu avô, Antonio Rozalem nascido em 1908 em São Manuel na Região de Botucatu, o meu trisavô Sebastiano Rosalen veio com a minha trisavó Pasqua e muitos outros familiares, como Giusepa(José) Rosalen e Elisabeth Vicensoto Rosalen. Segue link da lista de passageiros do navio.
http://www.inci.org.br/acervodigital/livrodetalhe.php?livro=058&pagina=239&familia=53790

Segue link da lista do obtuario da familia em 3 cemiterios de botucatu.

http://www.botucatu.sp.gov.br/cemiterio/Busca_Mostra.asp

Para mais informações documentais procurar o cartorio de São Manuel que é datado de 1.888

Se possivel ficaria muito previligiado e grato se me envia-se este do cumento do seu bisavô, ficaria muito grato mesmo, pois tenho uma tia que esta muito doente com aproximadamente 80 anos que se chama Santina Rosalen e ficaria contente em ver algo do Tio dela.
E-mail rozalemja@gmail.com

Jose Antonio Rozalem disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jose Antonio Rozalem disse...

Rodrigo me parece que vc tem alguns familiares em Ourinhos e a minha Tia mora lá, inclusive entrei em contato alguns anos atras com alguem da sua familia perguntando como estava seu avô e me parece que ele não esta bem, estimo melhoras. Meu pai José Joel que sempre perguntava dele.

Jose Antonio Rozalem disse...

Outra coisa, se vc tiver contato com alguem de Botucatu, em especial com marido ou filhos de Cecilia Rosalen ou Diva Rosalen que ambas faleceram alguns anos(10 anos mais ou menos) a famila deles tinha bastante informação, pois elas eram filhas de Luiz Rosalen Tio de seu avô, inclusive a Diva havia me enviado um Salvo conduto do José Rozalem(Giusepe) de 1942, mais infelizmente este documento se perdeu em um computador que deu problema.
Mais eu tenho uma reliquia, um cajado de cedro de meu trisavô, que passou para o meu Bisavô e ficou com a minha tia e esta comigo agora, quer dizer com meu pai, pois ela passou pra mim, mais esta na casa dele.kkk

Rodrigo Rosolem disse...

Jose, boa tarde
Que legal cara!!
vou providenciar o documento para voce sim!
vou separar ele em casa e escanear, esta bem danificado, afinal tem mais de 100 anos rs.
mas esta legivel em boa parte.

Quanto a familia em Ourinhos, realmente tenho familiares, primos tios por la...
e realmente meu avô esta acamado, a algum tempo ja. Passou por 3 infartos, mas é guerreiro e nao desisti nao!! agradeço as estimas..

Rodrigo Rosolem disse...

Jose, boa tarde
Que legal cara!!
vou providenciar o documento para voce sim!
vou separar ele em casa e escanear, esta bem danificado, afinal tem mais de 100 anos rs.
mas esta legivel em boa parte.

Quanto a familia em Ourinhos, realmente tenho familiares, primos tios por la...
e realmente meu avô esta acamado, a algum tempo ja. Passou por 3 infartos, mas é guerreiro e nao desisti nao!! agradeço as estimas..

Jose Antonio Rozalem disse...

Estarei esperando com grande ansiedade para mostrar e contar a minha tia, irei lá no ultimo ou penultimo im de semana de dezembro.